Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Rio Claro

Daae inicia na segunda-feira plantio de mil mudas em área rural

Em comemoração à semana do meio ambiente, o Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) de Rio Claro vai realizar plantio de mudas de árvores nativas e frutíferas em área rural do município. Mil mudas serão plantadas a partir de segunda-feira (3) em atividade inserida no “Programa de Recuperação de Área de Preservação Permanente do Rio Corumbataí”.

O plantio será realizado até o dia 11 de junho, com participação de alunos dos ensinos fundamental e médio de cinco escolas da rede pública e particular de Rio Claro. A ação dá continuidade ao trabalho de monitoramento, recuperação e proteção dos recursos hídricos do município que o Daae faz desde 2017, com mudas fornecidas pelo viveiro da autarquia. A partir de ações do projeto Nascentes o município atua na recuperação de nascentes na área urbana e agora estende esse mesmo trabalho para a área rural, às margens do rio Corumbataí. A ação também conta com o apoio da Casa de Agricultura de Rio Claro e do Consórcio PCJ.



“Esse trabalho é fundamental para a proteção dos nossos mananciais para assegurar a disponibilidade hídrica para o município, além de proteger e recuperar o meio ambiente e preservar a água”, comenta José Crespo Filho, gerente de preservação do Meio Ambiente do Daae e coordenador do projeto Nascentes.

O Daae plantará mil mudas em área próxima à captação da Estação de Tratamento de Água (ETA 2), na Estrada do Sobrado. O local foi escolhido após estudo da bacia hidrográfica feito pela Unidade de Gerenciamento de Projetos de Rio Claro (UGP), com visita de campo e imagens via satélite.

“Para realizarmos os diagnósticos das nascentes e plantio de mudas para a recomposição da mata ciliar na zona rural é necessária a colaboração dos proprietários, autorizando nossa entrada”, ressalta o superintendente do Daae, Paulo Roberto Bortolotti.

Ao ser apresentado ao projeto, o proprietário da área que receberá o plantio, Edmilson Gomes da Silva, assinou, no início de maio, o termo de concordância e compromisso, autorizando a implantação do projeto em sua propriedade.

“É uma iniciativa muito bem elaborada e estruturada. Essa ação vai beneficiar o nosso futuro. Todos os proprietários rurais deveriam aderir ao projeto”, comenta Edmilson.

Segundo a assistente agropecuária da Casa de Agricultura de Rio Claro, Melissa Pin Lucheti Sampaio, essa ação vai beneficiar os produtores rurais em etapa posterior ao Cadastro Ambiental Rural (CAR), quando terão que promover a regularização ambiental de seus imóveis rurais.

Os interessados em aderir ao programa de recuperação ambiental devem ligar para a gerência de Meio Ambiente do Daae, no telefone 3531-5248, em horário comercial.
 

Telefone: 0800 505 5200 - 2011/2012 - Todos os Direitos Reservados - Implementação: www.cebinet.com.br
Desenvolvimento: Leonardo Marcondes e Rogério Ap. Picceli - Colaborador: José Eduardo Abdalla